Acompanhe seu processo

Cidadania Italiana

  • Vantagens

Se você não leu a seção “Por que reconhecer”, sugiro que você de uma passadinha por lá, antes de ler a respeito de todas as vantagens que a sua dupla cidadania trará consigo. De qualquer forma, aqui você encontrará as principais vantagens tangíveis ao se obter a cidadania italiana.

  • Bolsas de Estudos na Comunidade Europeia
  • Trabalho em qualquer país da Comunidade Europeia
  • Permissão de trabalho na Austrália por 2 anos
  • Permissão de trabalho no Canadá por 6 meses
  • Ausência da necessidade de vistos para os EUA, Canadá e outros diversos países
  • Passo a Passo processo na Itália
  • Passo a Passo processo no Brasil
  • Você tem direito à cidadania?
  • Encontre seus parentes!
Comentários ( 18 )
  1. Ana

    Boa tarde,

    Encontrei o seu site “Gatto Cidadania Italiana” e achei as informações muito claras. Parabéns!

    Tenho algumas dúvidas em relação a nossa situação em particular e queria saber se vocês podem me ajudar.

    Meu noivo é brasileiro e está na lista de espera para conseguir a cidadania italiana. Varias pessoas da familia dele já conseguiram.

    Eu sou uruaguaia, residente no Brasil (tenho o RNE). Vamos nos casar em Junho.

    Minhas dúvidas são as seguintes:

    – Se ele conseguir a cidadania daqui ha 1 ano, eu perdí a oportunidade de solicitar cidadania por estar casada apenas 6 meses no momento que ele conseguiu a dele? Ou, se eu esperar 3 anos, posso solicitar a minha?

    – Eu perderia a minha residencia brasileira, ou algum direito aqui no Brasil, por ter minha cidadania/naturalização italiana?

    – O fato de eu ser Uruguaia ao invez de Brasileira, muda alguma coisa?

    Agradeço muitissimo desde já a vossa atenção.

    • gatto Post author

      Ana,

      Suas respostas:

      1) Você pode solicitar a naturalização por casamento após 3 anos de casamento, independente de quando seu marido for reconhecido italiano. O prazo passa a contar do casamento e NÃO do reconhecimento;

      2) Você não vai perder residência brasileira em hipótese nenhuma;

      3) O fato de ser Uruguaia não influencia em nada;

      Gatto

  2. marcilene scatolin

    Eu pretendo tirar a cidadania para mim e para minha filha que tem 18 anos, neste caso eu terei que ter dois jogos de certidões traduzidas, ou com um jogo só conseguimos fazer os dois processos?

    • gatto Post author

      Marcilene,
      Você precisará de dois jogos apenas no caso de aplicar em locais distintos.
      Caso aplique ao mesmo tempo e no mesmo local (comune ou consulado), precisará apenas de um jogo.
      Gatto

  3. Marco

    Boa tarde,
    Tenho a seguinte genealogia Bisavô (italiano) > avô > mãe(nascida em 1939) >eu (nascido em 1972).
    Posso entrar com a cidadania por vias normais ou preciso entrar com processo judicial?
    Vc pode enviar um orçamento para minha situação?
    Tenho todos os documentos, mas preciso apenas atualizá-los, traduzí-los etc….
    Há alguma lei em tramitação na italia para restringir esse processo de cidadania para bisnetos?
    Obrigado
    Marco

  4. Luiz Tadeu Bergamo

    Luiz Tadeu Bergamo
    Olá tudo bem?
    Meu bisavô italiano chamava-se Luiz Bergamo. Achei os registros de chegada do navio em São Paulo no ano de 1897. Ele veio com 16 anos. Encontrei os registros de casamento e nascimento dele e dos três filhos que ele teve aqui. Inclusive da cônjuge. Só não consigo descobrir o local de nascimento na Itália; sei que é na Calábria. Os documentos aqui em São Paulo só informam que era italiano.
    Como devo fazer para pesquisar lá na Itália.

  5. Gregory

    Olá, boa tarde.

    Meus trisavô era italiano, chamava-se Enrico Lelli, nascido, provavelmente, em Bologna. Gostaria de saber mais sobre a assessoria de vocês e de orçamento para assessoria no meu caso.

    Muito obrigado.

  6. Fábio Puppin

    Já Tenho dupla cidadania, mas dei entrada diretamente na Itália e hoje estou residindo no Brasil.
    Minha irmã e meu irmão na época não requereram a cidadania e hoje desejam fazer.
    A informação que tenho é que para dar entrada no Brasil precisarei apresentar todos os documentos outra vez, desde o antecedente que saiu da Itália ate chegar nos meus irmão e sobrinhos. Na Itália não estou informado mas acredito que a documentação a ser apresentada seria somente as do meus irmão e sobrinhos já que apresentei ate meu pai quando fiz a minha.
    Para dar entrada na Itália me deparo com a seguinte problema! Aqui no brasil a fila para legalizar os documentos para terem valor na Itália esta longa e demora muito, e para mim esperar legalizar primeiro para depois ir para Itália me deparo como o tempo de validade dos documento para ser apresentado la que é de 180 dias….
    Vocês trabalho com isso, no que podem ajudar, quais custos, e onde é mais viável dar entrada agora Brasil ou Itália???

    • gatto Post author

      Olá Fábio, tudo bem?
      O reconhecimento da cidadania italiana através dos consulados italianos no Brasil, de fato têm levado tempo muito elevado! Atualmente, em São Paulo, por exemplo, a fila é de aproximadamente 10 anos.
      A alternativa para não enfrentar esta fila é apresentar seu requerimento diretamente na Itália. Para isso, é necessário que você vá para a Itália e inicie o processo por lá.
      Entraremos em contato por e-mail para que você nos envie as inforamções da sua árvore genealógica para que possamos lhe orientar de maneira objetiva e exclusiva. Só assim é que poderemos lhe passar um orçamento com valores determinados.

      Conte conosco!
      Equipe Gatto

  7. Tatiana Silva Dalla Corte

    quero saber se tenho direito a cidadania Italiana, meu pai contou que os avós dele vieram da Itália na região de Venetto, parece que os pais dele nasceram lá, isso eu não estou certa.
    Então queria saber se procede.

    Obrigada pela atenção, aguardo retorno.

    • gatto Post author

      Boa tarde Tatiana, tudo bem?

      Para que o direito ao reconhecimento da cidadania italiana exista, basta que você tenha um antenato italiano. Antenato é o nome que utilizamos para o italiano que origina a sua família, ou seja, é a pessoa que nasceu lá na Itália e emigrou ao Brasil.

      O princípio que rege a transmissão da cidadania italiana se chama IURE SANGUINUS que baseia na passagem de direitos civis pelo sangue e NÃO PELO LOCAL DE NASCIMENTO. Portanto, um filho de italiano nascido no japão, continua sendo italiano, pois ele possui sangue desta nacionalidade, não importando que nasceu em um país de cultura diversa, por exemplo.

      Existem algumas peculiaridades no meio do caminho que podem inviabilizar o reconhecimento da sua cidadania italiana. Você pode encontrar alguma delas em nosso site, mas para que possamos analisar o seu caso com propriedade e de forma particular, peço que você preencha a planilha que acabamos de lhe enviar por e-mail.

      Esta planilha produzirá condições para que nós entendamos o seu caso para, então, fornecer informações e orientações específicas para você. Não se preocupe que nada disso produz qualquer tipo de compromisso com a nossa empresa. Nós temos real intenção de informar os visitantes do nosso site para que ele s se sintam seguros em seguir em frente com o processo conosco, sozinhos ou com qualquer outra empresa.

      Conte sempre conosco!
      Equipe Gatto

  8. marcelo m. liporoni

    olá, boa tarde, minha prima conseguiu a cidadania italiana, somos bisnetos de Eugênio liporoni, que desembarcou em Santos em 16/10/1901, gostaria de saber um caminho mais acessível para eu ter minha cidadania reconhecida. desde já agradeço,

    att.
    Marcelo M. Liporoni.

    • gatto Post author

      Boa tarde Marcelo, tudo bem?

      Não creio que seja coincidência, mas nós estamos cuidando de um processo cujo sobrenome é Liporoni também. Você foi indicado por alguém? Em caso positivo, já teremos grande parte do caminho andado, pois a documentação está bastante encaminhada (principalmente a parte italiana que seria a mais demorada).

      Te enviaremos, por e-mail, apresentação de nossa empresa e também nosso arquivo de árvore genealógica para que você possa preencher. Depois disso, teremos possibilidade de entender melhor o seu caso e, então, lhe dar a orientação necessária para seguir em frente.

      Conte sempre conosco!

      Equipe Gatto

  9. VICENTE CARLOS DAVINO CHIOVATTO

    Gostaria de saber se tenho direito a cidadania Italiana, pois meu avo materno veio da Itália cujo nome era VICENTE DAVINO e minha avó materna também cujo nome CLOTILDE SALOMANI. Como posso fazer esta pesquisa, porque tenho interesse de obter o passaporte e a cidadania Italiana. Fico grato se puderem me ajudar.

    • gatto Post author

      Bom tarde Vicente, tudo bem?

      Recebemos sua pergunta em nosso site e venho aqui me prontificar a responder quaisquer dúvidas que você tenha.

      Como você possui ascendentes nascidos na Itália, é muito provável que você tenha direito a reconhecer a sua cidadania italiana sim. No entanto, preciso de mais algumas informações para poder lhe responder com dados mais concretos.

      Você disse que o seu avô materno nasceu na Itália, correto? Portanto, sua árvore genealógica seria: Vicente Davino (italiano) > Sua mãe> você? Se for isso mesmo, peço que me confirme os anos de nascimentos de cada uma dessas pessoas.

      Pergunto isso, pois até 1948, a Itália possuía uma lei que não permitia que mulheres transmitissem direitos civis aos seus descendentes. Em 1948, esta lei mudou e fez com que as mulheres se igualassem em relação aos homens, quanto aos direitos civis aos seus descendentes.

      Portanto, filhos de mulheres nascidos após 1948 têm direito à cidadania italiana e podem aplicar administrativamente sem problema nenhum. No entanto, filhos de mulheres nascidos antes de 1948 esbarram nesta lei e devem fazer o processo via judicial na Itália. Em ambos os casos, é possível reconhecer a cidadania italiana. No entanto, a via judicial é um pouco mais demorada, pois depende de toda a burocracia que um processo judicial envolve.

      Me envie os anos de nascimento das pessoas de sua árvore (a partir do italiano) que eu poderei lhe responder com mais propriedade sobre este assunto.

      Conte conosco para o que precisar!

      Equipe Gatto!

Adicionar comentário

Seu e-mail não vai ser divulgado. Preencha todos os campos *

Gatto Cidadania - CNPJ: 21.528.457/0001-43
P. IVA: 03439590781

EnglishItalianPortugueseSpanish